focosh@focosh.com.br
(45) 98813-1115
Você está em: Página Inicial > Cotidiano
Ministro da Justiça vem ao Paraná conhecer ações da Segurança
Por AEN | Postado em: 19/02/2021 - 10:24

O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, esteve em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, para conhecer de perto algumas ações da Secretaria de Estado da Segurança Pública na região e para o lançamento da Operação Independência, que tem como objetivo fortalecer o trabalho ostensivo e dar cumprimento a mandados de prisão no Paraná.

A visita faz parte da programação da Agenda Segurança Pública 2021 do Sistema Único de Segurança Pública (Susp), que busca a integração no compartilhamento de dados, operações e colaborações das forças de segurança em todas as esferas.

A comitiva recepcionada pelo secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, e pelos integrantes das polícias do Estado, visitou unidades e se reuniu com a cúpula das instituições estaduais de segurança pública. Houve, ainda, a cerimônia de entrega do Diploma de Honra ao Mérito da Segurança Pública e Defesa Social a profissionais que tenham se destacado no cumprimento de suas funções.

AGENDA  Durante a manhã, o ministro participou do lançamento da Operação Independência. Também visitou outras três unidades da Segurança Pública em São José dos Pinhais: o Batalhão de Polícia Ambiental - Força Verde (BPAmb-FV), a Delegacia da Mulher e a Casa de Custódia do Departamento Penitenciário.

No período da tarde, Mendonça conheceu as instalações da Academia Policial do Guatupê (APMG), também em São José dos Pinhais, onde viu a exposição de viaturas da segurança estadual e participou de uma reunião fechada com as autoridades da Segurança Pública do Estado.

“Temos muito respeito pelo Paraná por todo o trabalho de segurança que é desenvolvido. Fico muito feliz com a recente adesão do Estado às atas do Programa de Compras Eficientes do Susp, que é uma resposta efetiva às demandas dos servidores das forças de segurança paranaenses”, disse o ministro.

Para o secretário Marinho, a visita trouxe diretrizes e orientações à segurança pública do Estado. “A visita do ministro é muito importante, pois serve de balizamento para todas as nossas forças de segurança. Então, sem dúvidas, isso nos dará mais fôlego para prosseguir e termos um ano de bons resultados em todo o Estado”, afirmou.

O secretário Marinho agradeceu a parceria com o governo federal para melhorar a infraestrutura das polícias. “Fizemos uma prestação de contas e o Paraná se saiu muito bem. Temos muitas coisas positivas para mostrar, não só para as autoridades, mas também a nossa sociedade, como as 18 novas penitenciárias que estão sendo construídas graças ao apoio do governo federal”, destacou.

Ainda foram apresentados ao ministro resultados de trabalhos integrados entre forças de segurança de todas as esferas. O município de São José dos Pinhais foi uma das cinco cidades do Brasil escolhidas pelo Ministério para integrar o projeto-piloto Em Frente Brasil – Programa Nacional de Enfrentamento à Criminalidade Violenta, que iniciou em agosto de 2019.

“Essa é uma oportunidade de corrigir algumas coisas dentro do Em Frente Brasil, criar novas metodologias, mas sempre integrado com os governos municipal, estadual e federal”, explicou o secretário Marinho.

INVESTIMENTOS – Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, nos últimos dois anos o governo federal repassou ao Paraná R$ 171 milhões para investimentos na área. Além desse montante, outros R$ 54 milhões foram repassados para o Sistema Penitenciário via Fundo Penitenciário Nacional (Funpen).

OPERAÇÃO INDEPENDÊNCIA – A Operação Independência conta com mais de 110 policiais, entre militares estaduais, federais, civis e guardas municipais que atuarão no bairro Jardim Independência e nas proximidades.

HONRA AO MÉRITO – O ministro André Mendonça entregou o Diploma de Honra ao Mérito da Segurança Pública e Defesa Social a profissionais de segurança pública do Paraná que se destacaram no cumprimento de suas funções. Receberam a honraria o delegado-geral da Polícia Civil, Silvio Rockembach; o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Gerson Gross; o diretor-geral da Polícia Científica, Luiz Rodrigo Grochocki; o comandante-geral da PM, coronel Hudson Leôncio Teixeira; o coordenador regional pelo Departamento Penitenciário em Londrina, Reinaldo Peixoto; o coordenador do Setor de Engenharia da Secretaria da Segurança Pública, major Ivan Ricardo Fernandes; e a esposa do falecido agente penitenciário Thiago Borges de Carvalho, que perdeu a vida em serviço ao ser atacado por criminosos em Londrina, em 2016.

PRESENÇAS – Acompanharam o ministro o secretário da nacional da Segurança Pública, coronel Carlos Renato Machado Paim; o secretário de Operações Integradas, Jeferson Lisbôa; o secretário de ensino em Segurança Pública, Joselio de Souza; a diretora-geral do Departamento Penitenciário Nacional, Tânia Fogaça; o direitor-geral da Polícia Rodoviária Federal, Eduardo Aggio; o diretor de Inteligência, Thiago Marcantonio Ferreira; e o diretor de Políticas Penitenciárias, Sandro Abel Souza Barradas. Estiveram nas atividades os deputados federais Sargento Fahur e Luizão Goulart; a prefeita de São José dos Pinhais, Nina Singer; e o diretor do Departamento Penitenciário do Paraná, Francisco Alberto Caricati.

Últimas Notícias
Cotidiano 07 Abr às 16:16
Terminais devem receber R$ 6,1 bilhões em investimentos
Cotidiano 20 Fev às 09:29
Os dias em que podem ser dispensados os entulhos em frente as residências são sempre sábado, domingo e na segunda-feira, que antecedem a semana em que haverá a recolha em cada Bairro.
Cotidiano 16 Fev às 13:57
A experiência técnica dos profissionais da companhia na fiscalização tem feito a diferença nos projetos de construção e reformas. Já foram concluídas 158 obras e outros 146 projetos estão em andamento. Fiscais são indicados por meio de portarias da Fundep
Cotidiano 16 Fev às 13:56
Valor destinado ao programa em 2021 foi aumentado em 35%. Benefício que garante subsídio na tarifa de energia elétrica para famílias de baixa renda passará de R$ 34,5 milhões para R$ 46,5 milhões. Estimativa é que possa atender 170 mil famílias mensalment
Cotidiano 12 Fev às 08:58
Empresário teria simulado injeção de US$ 1 bi na OGX
Tecnologia e desenvolvimento