focosh@focosh.com.br
(45) 98813-1115
Você está em: Página Inicial > Policial
Paraguai expulsa segundo traficante brasileiro, agora do PCC
Por Massa News | Postado em: 23/11/2018 - 09:19

O Paraguai expulsou, na manhã desta quinta-feira, 22, o criminoso brasileiro Rovilho Alekis Barbosa, o "Bilão", apontado como importante liderança do Primeiro Comando da Capital (PCC). Barbosa foi entregue à Polícia Federal brasileira no aeroporto binacional de Itaipu, em Hernandarias, na fronteira, e levado para exames na sede da Polícia Federal em Foz do Iguaçu (PR). É o segundo narcotraficante ligado à facções criminosas brasileiras expulso esta semana do país vizinho.

Na segunda-feira, 19, o governo paraguaio mandou de volta para o Brasil o líder do Comando Vermelho, Marcelo Pinheiro Veiga, o Marcelo 'piloto'.

Nos dois casos, a decisão partiu diretamente do presidente paraguaio, Mario Abdo Benítez e foi comunicada à Embaixada do Brasil. Conforme o ministro do Interior, Juan Ernesto Villamayor, a extradição do criminoso havia sido pedido pela Justiça Criminal de Maringá (PR), onde havia sido condenado a 24 anos de prisão por tráfico e lavagem de dinheiro.

"Bilão" foi preso em março de 2017, no prédio em que estava morando, em Ciudad del Este, na fronteira entre os dois países. Ele portava documentos falsos, armas e tinha em seu poder mais de US$ 60 mil, além de dois automóveis.

Conforme a investigação, o dinheiro seria usado para pagar propina a policiais da região. Ele chegou a ter deferida uma ordem de soltura, mas a decisão foi anulada. "Bilão" estava preso na Penitenciária Nacional de Tacumbú, em Assunção, de onde ainda comandaria o tráfico de drogas na fronteira.

O processo de extradição tramitava na justiça paraguaia, mas o presidente não aguardou a decisão final. De acordo com Villamayor, pelo menos 20 criminosos, incluindo outros brasileiros, estão na lista de expulsões. "Vamos expulsar sempre que o país de origem estiver de acordo em recebê-los e processá-los", afirmou em entrevista.

Ele afirmou que a prioridade envolve criminosos ligados a facções como o Comando Vermelho e o PCC em razão do risco que representam, mas outros processos de expulsão de criminosos estão em análise. "Estes foram primeiro porque são de alta periculosidade, mas cuidamos também de casos de menor risco, que tem menos repercussão", disse.

Conforme o ministro, em 2018, as autoridades paraguaias receberam 177 solicitações de cooperação jurídica envolvendo presos, das quais 127 foram atendidas.

A expulsão de Marcelo "Piloto" foi acelerada depois que ele foi apontado como o autor do assassinato da jovem paraguaia Lidia Meza Burgos, de 18 anos, durante visita íntima na prisão.

O motivo do crime seria retardar ou evitar o processo de extradição. Também teria pesado o fato de "Piloto" ter denunciado pagamento de propina a autoridades policiais paraguaias. Havia ainda informação de que estava em andamento num grande plano para invasão do presídio e resgate do brasileiro.

Últimas Notícias
Policial 22 Mai às 13:48
Orivaldo Malaggi, que comandava a Secretaria de Obras e Viação de São Miguel do Iguaçu, está preso desde o dia 22 de março
Policial 21 Mai às 07:25
Defesa chamou 51 testemunhas para serem ouvidas no processo. Destas, 48 moram em cidades do interior do estado. Em abril, STJ determinou que processo seja julgado pela Justiça Estadual do Paraná
Policial 19 Mai às 09:16
Ex-ministro se entregou à Polícia Federal em Curitiba na noite de sexta-feira (17); Justiça do Paraná mandou prendê-lo novamente depois que o TRF-4 negou recurso da defesa
Policial 18 Mai às 06:41
Segundo o MP-PR, ele é investigado pela Operação Contrapartida, que apura prática de crimes de corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro e associação criminosa
Policial 18 Mai às 06:36
Celso Frare disse em depoimento que pagamento deveria ser de 8% do valor bruto dos contratos ao grupo político do ex-governador; esquema é investigado pela Operação Rádio Patrulha
Policial 17 Mai às 07:33
Determinação foi feita após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negar um recurso da defesa, que pedia prescrição da pena de 8 anos e 10 meses
Policial 17 Mai às 07:22
Operação Fronteira Sul começou nesta quinta-feira (16) e vai até a próxima segunda-feira (20), na BR-277
Policial 14 Mai às 16:38
Os pais se tornaram suspeitos depois que a polícia desconfiou da gravidade de uma lesão na cabeça do bebê
Policial 14 Mai às 16:36
Foram cumpridos na manhã desta terça-feira (14) 17 mandados de busca e apreensão nos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina
Tecnologia e desenvolvimento